Estreleira.gal inza o país de bandeiras

En defensa dunha soberanía conculcada, o colectivo pretende visibilizar a nosa identidade e a nosa loita secular.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Redacción adiante | A Coruña | 29 de xuño de 2021.  Son “um grupo de galegas e galegos, de geraçons e procedências políticas diversas, unidos tam só polo amor à nossa Terra, a defesa da sua soberania conculcada, e a vontade de visibilizar no urbano e no rural a nossa identidade e a nossa luita secular.”

E o que fan é: “espalhamos a nossa simbologia nacional em todos os recantos do território, especialmente naqueles que fôrom historicamente esquecidos e marginalizados na nossa vindicaçom nacional, por considerar-se ‘periféricos’. Da mesma maneira, ajudamos a socializar nas redes o enorme património histórico e natural que atesoura a Galiza, muitas vezes desconhecido polos próprios nacionalistas.”

Estreleira.gal estreouse o pasado domingo cunha performance no Monte do Pindo.

As súas accións consisten en chantar a estreleira “em paróquias, pontes, montanhas, vales, castelos, castros, vilas, aldeias, cidades… com o único requisito de respeitar escrupulosamente o património e os bens da gente e, como iniciativa cidadá pública, manter-nos dentro da legalidade”. E, paralelamente, nas redes sociais, dedicaranse a promover “o conhecimento da nossa geografia, a nossa memória histórica, e dos ecossistemas que fam da Terra galega um espaço único”.

Deixe um comentário

Deixe um comentário